0
[postlink]http://canalciaesons.blogspot.com/2010/12/maria-joao-pires-scarlatti-sonata-k208.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=nEISoXUVbJ8endofvid
[starttext]
Scarlatti - Piano Sonata K208
Maria João Pires - piano
Mais de Maria João Pires clic aqui
marcador Piano
[endtext]

Maria João Pires - Scarlatti - Sonata K208

0
[postlink]http://canalciaesons.blogspot.com/2010/12/schubert-fantasie-op103-p1.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=6sxhyWmchFIendofvid
[starttext]
Schubert Fantasie Op103
Parte 1
Parte 2
Maria João Pires - Pianista
Torna-se reconhecida internacionalmente ao vencer o concurso internacional do bicentenário de Beethoven em 1970, que se realizou em Bruxelas.
Fez na sua carreira numerosas digressões onde interpretou obras de Bach, Beethoven, Schumann, Schubert, Mozart, Brahms, Chopin e muitos outros compositores dos períodos clássico e romântico. Maria João Pires é convidada com regularidade pelas grandes orquestras mundiais para tocar nas melhores salas de concerto, apresentando-se regularmente na Europa, Canadá, Japão, Israel e nos Estados Unidos.
Tem desenvolvido actividade tanto a nível individual (recitais, concertos, gravações) como em música de câmara: dos numerosos êxitos discográficos, destacam-se as gravações "Moonlight", com Sonatas de Beethoven; "Le Voyage Magnifique", integral dos Impromptus de Schubert; Nocturnos e outras obras de Chopin;[1]. Sonatas de Grieg; e os Trios de Mozart com Augustin Dumay (violino) e Jiang Wang (violoncelo).
É a fundadora e dirigente do Centro de Belgais para o Estudo das Artes, no concelho de Castelo Branco, de cariz pedagógico, cultural e social.
Mais Maria João Pires clic aqui

RICARDO CASTRO - Pianista
Ricardo Castro começa a tocar piano com 3 anos de idade e estuda a partir dos 5 anos com Esther Cardoso em Salvador. Em 1984 vai morar na Europa onde estuda piano com Maria Tipo e Dominique Merlet e regência com Arpad Gerecz. Conquista vários prêmios internacionais. Para além do repertório clássico, Ricardo Castro mantém uma relação e prática à música popular que o leva a experimentar as interligações das diversas formas de expressão musical. Desde 2007 é Diretor Fundador do NEOJIBA - Um novo "El Sitema" na Bahia.
marcador Piano
[endtext]

Schubert Fantasie Op103 - p/1

0
[postlink]http://canalciaesons.blogspot.com/2010/12/schubert-fantasie-op103-p2.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=2fLkx2rci_wendofvid
[starttext]
Schubert Fantasie Op103
Parte 1
Parte 2
Maria João Pires - Pianista
Torna-se reconhecida internacionalmente ao vencer o concurso internacional do bicentenário de Beethoven em 1970, que se realizou em Bruxelas.
Fez na sua carreira numerosas digressões onde interpretou obras de Bach, Beethoven, Schumann, Schubert, Mozart, Brahms, Chopin e muitos outros compositores dos períodos clássico e romântico. Maria João Pires é convidada com regularidade pelas grandes orquestras mundiais para tocar nas melhores salas de concerto, apresentando-se regularmente na Europa, Canadá, Japão, Israel e nos Estados Unidos.
Tem desenvolvido actividade tanto a nível individual (recitais, concertos, gravações) como em música de câmara: dos numerosos êxitos discográficos, destacam-se as gravações "Moonlight", com Sonatas de Beethoven; "Le Voyage Magnifique", integral dos Impromptus de Schubert; Nocturnos e outras obras de Chopin;[1]. Sonatas de Grieg; e os Trios de Mozart com Augustin Dumay (violino) e Jiang Wang (violoncelo).
É a fundadora e dirigente do Centro de Belgais para o Estudo das Artes, no concelho de Castelo Branco, de cariz pedagógico, cultural e social.
Mais de Maria João Pires clic aqui

RICARDO CASTRO - Pianista
Ricardo Castro começa a tocar piano com 3 anos de idade e estuda a partir dos 5 anos com Esther Cardoso em Salvador. Em 1984 vai morar na Europa onde estuda piano com Maria Tipo e Dominique Merlet e regência com Arpad Gerecz. Conquista vários prêmios internacionais. Para além do repertório clássico, Ricardo Castro mantém uma relação e prática à música popular que o leva a experimentar as interligações das diversas formas de expressão musical. Desde 2007 é Diretor Fundador do NEOJIBA - Um novo "El Sitema" na Bahia.
marcador Piano
[endtext]

Schubert Fantasie Op103 - p/2

0
[postlink]http://canalciaesons.blogspot.com/2010/12/concerto-for-4-pianos-bwv-1065-johann.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=tJ49G2-Chhsendofvid
[starttext]
I. Allegro.
II. Largo e spiccato.
III. Allegro.

Martha Argerich, Kissin, Levine, Pletnev
Sarah Chang Vadim Repin Yuri Bashmet
Gidom Kremer

Concerto for 4 Harpsichords in A minor, BWV 1065 by Johann Sebastian Bach.
Composed circa 1730 in Leipzig, after Antonio Vivaldi's Concerto for 4 violins in B minor, RV 580 (L'Estro Armonico op.3 No.10)

About Four Harpsichords Concert, BWV 1065,
by James Leonard.

Bach's Concerto for Four Harpsichords and String Orchestra in A minor is an adaptation from around 1730-1733 of Vivaldi's B minor Concerto for Four Violins and String Orchestra in B minor, No. 10/3. Bach had gotten to know Vivaldi's Op. 3 while an organist at Weimar, where he transcribed ten of them for solo harpsichord and six of them for organ.
This later adaptation is far more ambitious. In it, Bach has both tightened and expanded Vivaldi's counterpoint, enriched his harmonies with lusher harmonies, and expanded the solo parts with greater complexity and greater clarity. The result is a work that not only avoids the criticism of being too thickly textured, but actually improves on the original work. Written in the standard three-movement concerto form of the Baroque period, Bach's Concerto for Four Harpsichords is a brilliant virtuoso piece for the soloists.
marcador- Bach
[endtext]

Concerto For 4 Pianos Bwv 1065 - Johann Sebastian Bach.

1
[postlink]http://canalciaesons.blogspot.com/2010/12/ich-bin-der-welt-abhanden-gekommen.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=11mfvRIKgUAendofvid
[starttext]
Ich bin der Welt abhanden gekommen
Magdalena Kožená - Czech mezzo-soprano
Maestro: Claudio Abbado
Lied escrito por :Friedrich Rückert (pseudônimo: Freimund Reimar) (16 de maio de 1788 - 31 de janeiro de 1866) foi poeta e escritor alemão.
Música : - Gustav Mahler, 1902, aus fünf Rückertlieder

Eu me tornei estranho para o mundo
com o qual perdi outrora tanto tempo;
faz muito que não ouve a meu respeito
que pode mesmo achar que já morri.

Para mim é de todo indiferente
que ele me trate como fosse morto.
Nada posso dizer contrário a isso
pois de fato morri para este mundo.

Estou bem morto para o seu tumulto
e descanso num lugar de quietude.
Sozinho vivo no meu paraíso,
no meu amor, nas notas do meu canto.
Ich bin der Welt abhanden gekommen -

Ich bin der Welt abhanden gekommen,
Mit der ich sonst viele Zeit verdorben,
Sie hat so lange nichts von mir vernommen,
Sie mag wohl glauben, ich sei gestorben!

Es ist mir auch gar nichts daran gelegen,
Ob sie mich für gestorben hält,
Ich kann auch gar nichts sagen dagegen,
Denn wirklich bin ich gestorben der Welt.

Ich bin gestorben dem Weltgetümmel,
Und ruh' in einem stillen Gebiet!
Ich leb' allein in meinem Himmel,
In meinem Lieben, in meinem Lied!

Marcador
Orquestras
[endtext]

Ich bin der Welt abhanden gekommen - Kožená / Abbado